4 de março de 2012

Carta de Heráclito ao Cray Labirinto do Touro em Creta

   
Caríssimos,

A situação em Florença é grave. Atacamos e somos atacados constantemente por múltiplos inimigos, mas conseguimos resistir até agora.
A Ordem da Razão, nosso principal adversário, está mais forte do que nunca e mantém seus planos direcionados para a destruição do paradigma feiticeiro e, posteriormente, a adoção de um ideal científico que domine e reproduza a magia em massa.
Diversos exordaemons já foram sentidos e realizados, e isso nos deixa alarmados. Providências deve ser tomadas, uma vez que a Ordem da Razão não se limita a apenas extirpar o daemon de futuros magos, mas também efetua ataques, tanto físicos como políticos, a nós.
Além deles, temos problemas com infernalistas, lobisomens e suspeito que o muçulmano imprudente tenha ligações perigosíssimas com vampiros.
Creio que todos os crays devem ter suas parcelas de problemas, porém venho, por meio desta, requisitar ajuda aos velhos companheiros para que esta batalha possa pender a vitória para o nosso lado.
Nos últimos anos, tenho recebido a ajuda de um aliado espiritual muito importante para a cultura helênica. Ninguém menos que Alexandre, O Grande - em sua forma espiritual -,  filho de Filipe da Macedônia, tem me acompanhado nos desafios que se fazem urgentes. Entretanto, algo muito importante deve ser recuperado. Sua espada está escondida no Campanário de Giotto, a fortaleza protegia da Ordem da Razão.
É necessário recuperá-la e me ocorreu a lembrança de artefatos guardados pelo Cray Labirinto do Touro que podem ser muito úteis neste momento: o colar e o bracelete de Hefestion Amintoros.
Precisam que remetam esses itens o mais rápido possível. Como sabemos, os poderes de Alexandre são elevados em muitas vezes quando esses fetiches são acionados.
Certo da compreensão dos líderes de tão afamado Cray acerca da necessidade extrema, aguardo.
   
                                                                                 Heráclito de Creta, o servo de Hades
 
 
 

2 comentários:

Hugo Marcelo Barbosa disse...

Oi Laredo,

Muito bacana esta carta (exceto mulçumano imprudente... heheh)!

Vamos ver o que o Labirinto do Touro vai responder.

Hugo Marcelo

dklautau disse...

Ficou com medinho, zero um???
Nada mais poderoso que a força do cagaço!!!!
Muito boa a carta!